Semana 39

Hoje entrei na Semana 39. Pensar em tudo o que já passei desde o momento em que vi o resultado do teste de gravidez é quase surreal. Hoje entendo que tudo o que passei durante esses poucos anos vivendo na Coréia foram essenciais. Passar por uma gravidez é um exercício de paciência e tolerância, observação e aprendizado, expectativa e frustração. E tudo isso ficou mais fácil após tudo o que passei nessa terra estranha com gente esquisita. Nada nessa vida é por acaso, e TUDO é sempre uma benção. Sem dúvida nenhuma. Por mais estranho que possa parecer.

Já na reta final, eu posso dizer que esperava algo mais difícil para esse nono mês. Não que esteja fácil, mas me sinto feliz por dormir relativamente bem à noite e por me sentir energizada na maioria dos dias. Ainda sinto ânimo para uma tarde na cozinha, ou uma caminhada lá fora com a temperatura abaixo de zero. Talvez eu tenha ouvido tantas estórias sobre o quão difícil é o terceiro trimestre que eu fiquei esperando o pior. Se o pior veio, não foi tão ruim. Se não veio, sorte minha!

Acordo todos os dias pensando se o dia chegou. O engraçado é que não é um pensamento ansioso, que revira o estômago: é uma sensação reconfortante, de que algo muito grande vai acontecer, mas se não for o dia é porque ainda não chegou o momento certo. Nossa filhota vai chegar quando ela sentir que é a hora, quando sentir que ela não precisa mais de nada que vem do nosso cordão umbilical, mas sim do que esse mundão de Meu Deus tem para oferecer!

Vai ser muito bom mostrar prá ela esse planetinha em que ela vai viver…

Published in: on janeiro 7, 2009 at 6:39 pm  Comments (5)  

The URI to TrackBack this entry is: https://selmafelice.wordpress.com/2009/01/07/semana-39/trackback/

RSS feed for comments on this post.

5 ComentáriosDeixe um comentário

  1. Querida Selma,
    me emocionei ao ler o seu diario de hoje. E’ interessante como esses sentimentos se apresentam para a gente no fim da gravidez.
    Acredito que so’ quem ja passou por isso, consegue compreender a profundidade desse conhecimento que nos chega com o gerar de uma outra pessoa a partir de duas pessoas que se amam, dentro do proprio ventre.
    Foi nesse momento que senti Deus e pessoas tao queridas, que ja nao estao mais nesse plano em que vivemos, mais proximos do que nunca.
    E tenho certeza que quando chegar a hora da sua filhota nascer, voce se sentira ainda mais energizada e pronta para esse grande momento.
    Fisicamente exigira muito de voce, talvez mentalmente ainda mais. Sera um turbilhao de sensacoes fisicas e emocionais indescritivel.
    Cada um que ja passou por isso teve uma experiencia unica e especial, a de vcs esta chegando. Chegando e so’ comecando. Daqui pra frente todos os dias serao cheios de novidades e aprendizagens. E de certa forma, por estarem passando pela experiencia de estar longe do proprio pais, familia e muitos amigos, esse aprendizado seja ainda mais especial. Como nao tivemos filhos no Brasil, nao posso afirmar isso com toda a certeza, mas que a nossa experiencia com o Giovanni foi e esta sendo intensa e diferente do que seria no Brasil, nao temos duvida alguma.
    A de voces tambem sera. E se depender de voces tenho a certeza de que sera linda!
    Obrigada por partilharem todos esses dias atraves do Blog conosco e tantos outros.
    Tenham voces a certeza de que estamos juntos em pensamento partilhando da mesma ansiedade que cerca a chegada dessa menininha linda e tao amada.
    Beijos e boa sorte a toda familia!

  2. “”Vai ser muito bom mostrar prá ela esse planetinha em que ela vai viver…””

    Selma,
    agora vem o que eu te disse anteriormente:

    o AMOR único e verdadeiro, que é o que sentimos por um filho.

    Você será uma mãe muito companheira, descolada, e moderna, como eu tento ser para o meu filho.
    Graças a Deus a nossa “turma da época do Rosalvito” parece que foi premiada.
    Muitas das meninas que estudaram com a gente são mães muito maravilhosas.
    Nossa turma foi realmente muito abençoada.
    E você vai ser também.

  3. Achei super legal ler o comentário anterior. Lembrei de vocês como minha turma do Rosalvito, em outro plano mas tão legal quanto. Lindo seu diário hoje. Siga em frente.

  4. … vc talvez crie o “Prolactina no Paralelo 38 – Diário de uma Mãe de Primeira Viagem na Coréia”, enquanto isso eu por aqui estou a ponto de criar o “Teething Pain at Land Downunder – How this little things called teeth disrupt YOUR sleeping patterns” … 😦

  5. Menina, gostei demais do comentário da Karin foi feito com muito sentimento. Parabéns


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: